26 de jan de 2009

Vai-te embora, peido azedo

Ele vai, mas deixa marcas...

Nenhum comentário: